0

Últimos dias de “Toda palavra tem uma gruta dentro de si”, de Mariana Manhães

(Rio de Janeiro, RJ) Para Mariana Manhães, indicada à primeira edição do Prêmio PIPA, em 2010, toda palavra esconde um sem-fim de significados. Daí o título de sua última individual, “Toda palavra tem um gruta dentro de si”, que termina neste sábado na Mul.ti.plo Espaço Arte com direito à presença da artista. A exposição apresenta trabalhos recentes inéditos de Mariana, entre desenhos, fotografias e uma instalação.

0

“Feito poeira ao vento”, no Museu de Arte do Rio, celebra a arte da fotografia

(Rio de Janeiro, RJ) É celebrando a apropriação artística da fotografia que o Museu de Arte do Rio (MAR) apresenta “Feito poeira ao vento”. Com abertura marcada para este sábado, a exposição revela ao público a coleção fotográfica do museu, que inclui, entre outros, obras de Marc Ferrez e Pierre Verger, além de contemporâneos como os indicados ao Prêmio PIPA Luiz Braga e Guy Veloso e o finalista e vencedor do Prêmio PIPA Voto Popular 2013 Rodrigo Braga.

0

Exposição celebra os 30 anos de trabalho de Rogério Ghomes

(Brasília, DF) O tempo passa – que o diga Rogério Ghomes, indicado ao Prêmio PIPA 2012. Em “Quando tudo deixa de ser”, em cartaz na Referência Galeria de Arte, ele celebra três décadas de trabalho, apresentando os trabalhos e temas mais representativos de sua obra. A curadoria é de Fábio Luchiari, que preferiu organizar as obras em ordem não-cronológica, e a exposição traz ainda trabalhos inéditos do artista, como a série “Árbol” e a obra “Conversas com Platão”.

0

“Queermuseu” explora a diversidade e a expressão de gênero

(Porto Alegre, RS) Muito se discute, atualmente, identidade, gênero e sexualidade. Esses debates colocaram em foco a ideia de “queer”, palavra usada para designar pessoas que não se encaixam nos padrões de heterossexualidade e binarismo de gênero. Na exposição “Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira”, que começa hoje no Santander Cultural, os trabalhos em exposição exploram a diversidade, a diferença e a expressão de gênero na arte e na cultura, abarcando o período histórico de meados do século 20 até os dias de hoje.

0

Com programação variada, Semana de Arte traz música, dança e teatro

(São Paulo, SP) A feira da Semana de Arte começa esta quinta, 17 de agosto, e reúne cerca de 35 galerias brasileiras e estrangeiras que ocupam por três dias o subsolo do Hotel Unique. Comandada pelos representantes de duas das principais galerias de São Paulo, Luisa Strina (Galeria Luisa Strina) e Thiago Gomide (Bergamin & Gomide), a Semana de Arte traz ainda uma série de atrações culturais que começam hoje, como espetáculos de dança e teatro e um ciclo de palestras e debates sobre a globalização da arte.

0

“Na teoria, não há diferença entre teoria e prática. Na prática, há.” Essa discussão é o ponto de partida do curso “O processo criativo”

(Rio de Janeiro, RJ) Para Charles Watson, não existe pílula mágica: o processo criativo exige paixão, persistência, e coragem para aceitar os muitos erros que virão pela frente. O escocês ensina cada um destes passos em “O processo criativo”, curso que inicia na Escola de Artes Visuais do Parque Lage na próxima quarta-feira com uma aula aberta.

0

A relação entre cultura e natureza nas esculturas de Bruno Cançado

(Pinheiros, SP) O jardim está no imaginário humano há tempos. Já foi associado ao paraíso e a algo metafísico, apesar de estar sempre ao alcance da racionalidade. É também uma imagem do poder do homem sobre a natureza. Na exposição individual de Bruno Cançado, “Jardins”, que começa hoje na Central Galeria, o artista, indicado ao Prêmio PIPA 2017, constrói seu próprio jardim com colunas de concreto, pedra, madeira e cimento, propondo tensionamentos na relação travada entre cultura e natureza.

0

A prática do desenho pelo olhar de 21 artistas de diferentes gerações em “In Memorian”

(Rio de Janeiro, RJ) Abrindo neste fim de semana na Caixa Cultural RJ, “In Memoriam” trata das possibilidades de se pensar a prática do desenho em suportes diversos a partir do trabalho de 21 artistas. Entre os nomes, que vão de grandes dos anos 1960 até artistas contemporâneos, há quatro que participaram do Prêmio PIPA: Cinthia Marcelle, finalista em 2010; Ricardo Basbaum, indicado em 2011; e Marcius Galan e Cadu, que venceram o Prêmio, respectivamente, em 2012 e 2013.

O PIPA respeita a liberdade de expressão e adverte que algumas imagens de trabalhos publicadas nesse site podem ser consideradas inadequadas para menores de 18 anos. Copyright © Instituto PIPA